terça-feira, 24 de agosto de 2010

Perder a viagem...


Olá queridas e queridos, resolvi por este texto por ser meio diferente do que costumo garimpar nos emails bacanas (GGs acham essa palavra de velha"). Quem souber o autor avise-me.

Dias de luta, mais na horizontal que vertical, mas vamos lutando, lutando e lutando sempre.

Abraços com umidade, pois Sampa está um deserto!


Você pede ao patrão para sair mais cedo do trabalho, aí pega um ônibus lotado, vai para um consultório médico que fica no outro lado da cidade, gasta seus trocados, seu tempo e seu humor e, ao chegar, esbaforido e atrasado, descobre que sua hora, na verdade, está marcada para semana que vem. Sinto muito, você perdeu a viagem.

Todo mundo já passou por uma situação assim, de estar no lugar errado e na hora errada por pura distração. Acontecendo só de vez em quando, tudo bem, vai pra conta dos vacilos comuns a qualquer mortal.


O problema é quando você se sente perdendo a viagem todos os dias. Todinhos.

É o caso daqueles que ainda não entenderam o que estão fazendo aqui.

Estão perdendo a viagem aqueles que não se comprometem com nada: nem com um ofício, nem com um relacionamento, nem com as próprias opiniões.


Estão sempre flanando, flutuando, pousando em sentimento nenhum, brigando por idéia nenhuma, jamais se responsabilizando pelo que fazem, pois nada fazem. Respirar já é para eles tarefa árdua e suficiente.

E os dias passam, e eles passam, e nada fica registrado, nada que valha a pena lembrar.


Estão perdendo a viagem aqueles que, em vez de tratarem de viver, ficam patrulhando a existência alheia, decretando o que é certo e errado para os outros, não tolerando formas de vida que não sejam padronizadas, gastando suas bocas com fofocas, seus olhos com voyeurismo, sem dedicar o mesmo empenho e tempo para si mesmo.


Estão perdendo a viagem aqueles preguiçosos que levam semanas até dar um telefonema, que levam meses até concluir a leitura de um livro, que levam anos até decidir procurar um amigo. Pessoas que acham tudo cansativo, que acreditam que tudo pode esperar, que todos lhe perdoarão a ausência e o descaso.

Estão perdendo a viagem aqueles que não sabem de onde vieram nem tentam descobrir.


Que não sabem para onde ir e nem tentam encontrar um caminho.

Aqueles para quem a televisão pode tranqüilamente substituir as emoções.

Estão perdendo a viagem todos aqueles que se entregam de mão beijada às garras afiadas do tédio.

13 comentários:

  1. Querida Rosário!
    Voce pegou fundo heim!!!!Texto lindo,mas que mexe com as estruturas e também dá aquele puxão de orelha.....Conheço alguns que já perderam a viagem há muito tempo, tenho medo que não consigam mais acordar.Valorizemos os atentos,os que lembram carinhosamente da nossa existência. Feliz , estou por que sei quer estás bem.
    Tarde de primavera,cheirosa?!!!!!
    Te abraço

    ResponderExcluir
  2. Rô,

    Como disse Vera do Sulllll, pegou fundo mesmo, menina!

    Olha, de verdade, já perdi algumas viagens, rsrsrsrsrs... mas já fiz muitas, ótimas, lindas, proveitosas.
    Também já perdi o bonde, já me sentei no assento errado, já confundi o bonde e fui parar em outro destino. Já me fizeram descer do bonde, bem antes da estação e tb depois dela. O bonde já quebrou várias vezes e me deixou no meio do caminho. Já caí do bonde e fui parar no pronto-socorro (horrível). Mas de todas as experiências e sentimentos que se tem na vida, o mais cruel é o tédio. O VAZIO...

    "Não é o tédio a doença do aborrecimento de nada ter que fazer, mas a doença maior de se sentir que não vale a pena fazer nada".
    Fernando Pessoa

    Beijos de luta (graças a Deus)
    LindaZ

    ResponderExcluir
  3. Rosário, texto ótimo para refletir....Tantas pessoas vivendo uma vida fútil, sem compromisso com nada e não querendo saber de nada que traga tristezas. Gosto muito de uma frase de Chico Xavier que diz" Não viemos a esse mundo para tomar banho de rosas.." Sabemos como é difícil viver e lutamos a cada dia. Estou contente em te ver postando, espero que a cada dia estejas melhor! Um abraço carinhoso!

    ResponderExcluir
  4. Não sei quem é o autor, mas é um texto interessantíssimo. Conheço muita gente que está perdendo a viagem e os que mais me magoam são aqueles que perdem a viagem por coisas tão simples como saber que um amigo que está mal e não arranjar tempo para um simples telefonema a perguntar se está melhor ou saber o que se passa, que não tira 5 minutos para vir a tua casa conhecer o 1º neto teu, etc, etc; eu nesse aspecto tenho consciência que não perco a viagem; dou muito valor aos pequenos gestos e nunca me esqueço deles. Queria melhorar em algumas outras coisas a que dou a importância que não deveriam ter...tenho que dar um puxão de orelhas a mim mesma... podes crer, Ro, que todos os dias me zango comigo mesma. Acho que ter consciência que em certo casos ando a perder a viagem já é dar algum adianto na caminhada, não?
    Há que meditar todos os dias, pois temos sempre a chance de amanhã estarmos um pouquinho melhores; é só saber onde precisamos mudar e tentar sempre. Um beijinho com a amizade de sempre e carregadinho de pensamentos positivos. Até amanhã, amiga!
    Mila

    ResponderExcluir
  5. Rosário Querida!
    Estado de alerta pela secura do ar... Nossa!!!! Estamos ainda no inverno e como será o nossos verão? E os que queimam, onde estão com a cabeça ,acho que os miolos incendiaram....
    Te abraço

    ResponderExcluir
  6. que lindo o texto! realmente nos faz pensar e deixar preguiças de lado e valorizar mais o nosso dia a dia. :) Uma boa semana cheia de saude, que bom que está melhor tia rô.

    ResponderExcluir
  7. Eu viajo. O tempo todo. Na vida, na imaginação, nas fantasias. Dentro do onibus, do metrô, do avião entãaaaoooo...adoro avião!
    Como a Veroca disse lá em cima, tem gente que já perdeu a viagem faz tempo.
    Pensando bem, embarcaram neta aventura queridas?
    Boa tarde de quarta.
    Quem estiver "de bobs" acesse Radio Globo AM RIO DE JANEIRO- 3 da tarde. Internet.
    Estarei lá falando abobrinhas ksksksksksks

    ResponderExcluir
  8. Que texto amiga! Perder a viagem nao e facil e ficar do lado de fora vendo o bonde passar tbm e complicado.O melhor a se fazer e pegar o bonde tendo a certeza que onde quer que ele te leve, sera lindo.
    Saber viver e saber dar valor a tudo de bom que tem nesta vida ...isso e ganhar todas as viagens.Ter uma amiga assim como vc e todas estas pessoas maravilhosas que aqui passam deixando suaa mensagens...isso e pegar o bonde certo e ser feliz.
    Beijos de saudadonas,daquelas bem gigantes.

    ResponderExcluir
  9. a anonima ainda "retar" sou eu amiga a Marize Mori.

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde Rosário!
    Essa história de perder a viagem... quanta gente passa a vida sentada na mesma poltrona olhando só para as costas da poltrona da frente?
    Quando eu perco uma viagem, daquela história de esquecer a hora certa... tento olhar a situação por outro prisma. sempre há algo para a gente aprender. Tudo é válido, necessário. Até para a gente ficar mais atento da próxima vez. Não cometer de novo novos/velhos enganos, rsrsrs.

    E que tempinho doido. Imagino Sampa.

    Um beijo querida e boa quinta feira!

    ResponderExcluir
  11. Menina do Rio chamando SAMPA, alouuuu!26 de agosto de 2010 11:07

    Oi Ro tem gente que nasce mas já está do outro lado faz tempo, impressionante pq tem gente que deixa tudooooo passar mas eu como vc bem sabe não perco nadaaaaa e vou atrás de tudoooooooo rs,sr,sr,sr,sr,sr principalmente das coisas e pessoas encantadoras!
    Linda tarde para todas com muitasssss alegrias pq estar VIVO É UM PRESENTE DE DEUS E SABER VIVER MELHOR AINDA, BEE HEPPY!

    ResponderExcluir
  12. Menina do Rio corrigindo26 de agosto de 2010 11:09

    Leia-se BEE HAPPY rs,sr,sr,sr,rs,sr não sei como digitei um E rs,sr,sr,sr,sr mas o importante mesmo é SERRRRRRRR FELIZZZZZZZZZZZ!
    Kissesssssss

    ResponderExcluir
  13. Garotas... é sempre bom não perder viagem alguma.
    Mas qd acontece aquele esquecimento da consulta marcada para outro dia outra hora, penso como vocês algo teve de bom nisso.
    Corre a lenda que quando chegamos na garagem e esquecemos a chave do carro, a gente fica brava tem que voltar (no meu caso passinhos de bebe) até o tal andar. O que ocorre é o seguinte algum anjo te atrasou para que nada de mal te acontecesse. Bacana né! beijos para todas as minhas comadres.

    ResponderExcluir