segunda-feira, 10 de maio de 2010

SIMPLICIDADE


“Aquele que é virtuoso e correto não precisa ser pomposo e ostentador. Simplicidade é o sinal da beleza interior - a beleza do espírito. Seria um erro identificar simplicidade com ‘pobreza’ ou ‘lugar comum’. Aquele que é simples é natural e honesto. Ele não tenta esconder o que é feio ou desperdício porque em sua pureza esses traços não existem. Há realeza nas maneiras e, graciosidade no comportamento, mas isto não rouba sua originalidade nem o compele à artificialidade.”

*

“Simplicidade é deixar o passado. Não as experiências acumuladas, mas deixar a dor. Aqueles que seguram a dor nunca podem ser simples. O fato de precisar passar por muitos estágios de aprendizagem, até chegar na simplicidade, é um paradoxo. Existe uma paisagem complexa antes de alcançar o calmo e simples mar. Esta é a virtude do espiritualmente velho e também a posse do fisicamente novo. A atmosfera criada por aqueles que têm simplicidade faz com que todos se sintam confortáveis.”

* Extraído do livro "A Paz de Todo Dia - volume 1”, publicado pela Editora Brahma Kumaris

Oi amigos, hoje fui assistir o filme Xico Xavier, sai do cinema pensando em simplicidade, como ele era um ser simples. Simples nos hábitos, nos atos, nas palavras, na intenção, no olhar,... simplismente simples!
Um dia cheio de Paz à todos :)

6 comentários:

  1. A simplicidade é algo que nos fazser grandes e melhores. um beijo,linda semana,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Isabel A. W . De Nonno11 de maio de 2010 06:58

    A simplicidade é um projeto de vida bem difícil por si só. Meu pai sempre me diz isso: "É mais fácil ser mau do que bom, e ver as coisas com dificuldade do que com simplicidade". Concordo com ele.
    Nós que passamos provações no nosso dia a dia, conseguimos ver isso com mais clareza.

    Um dia de paz para todos nós. Todos os dias, um de cada vez, sempre!

    Rosário, não esqueça de me mandar o e-mail para eu ajudar no Bendizer ;)

    Beijo grande,

    Isabel.

    ResponderExcluir
  3. Vera do sullllllll11 de maio de 2010 17:11

    Simplesmente Rosário!
    Ser simples é OLHAR o outro ver suas dificuldades, suas fraquezas, suas necessidades e sem necessidade de pedidos, ajudar.
    Ser simples é ENTENDER o outro sem questionamnetos e interrogatórios.
    Ser simples é RECONHECER no outro o ser humano que foi criado a imagem e semelhança de Deus.
    Ser simples é VIVER como Chico Xavier viveu,fez de uma infância sofrida um adulto admirável , respeitável com compaixão pelo seu próximo vivendo a fratenidade na concepção da palavra. O BENDIZER é fruto da tua simplicidade.
    Ainda não assisti o filme, ele ainda não chegou aqui na minha cidade, mas li a respeito e assisti o ator principal
    na Ana Maria.
    Te abraço
    Vera

    ResponderExcluir
  4. Oi Chica, a idéia é ser grande em todos sentidos simples assim não é!
    bjs :)

    ResponderExcluir
  5. Ro esquecida p/ Isabel11 de maio de 2010 19:49

    Isabel, concordo plenamente com seu pai, palavras sábias. Nosso dia-a-dia é um longo exercicio de simplicidade para descomplicar ao máximo a força que a doença exige de cada um. Menina preciso te passar o email... huummm ando meio zonza, mas vou anotar de novo na agenda (pra que agenda né senão me lembro??). Bjs:)

    ResponderExcluir
  6. Ro p/ VERA passando frio11 de maio de 2010 19:53

    Vera, Vera tá na hora da senhorita ter um blog. Vc escreve muito muito bem. Quanto ao filme é bom! Eu tinha lido a biografia que é muito forte sobre o grande sofrimento dele na infância. Mas ele foi um ser admirável. Vizinha tenha um lindo dia, o que vai fazer para o almoço???

    ResponderExcluir