segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Apresentação de projeto Paraisópolis


Quem Somos
O Bendizer é uma OSCIP (Organização Social Civil De Interesse Público) que incentiva toda e qualquer atividade que melhore a auto-estima e a qualidade de vida dos pacientes com câncer e de seus familiares.

Fundada em Novembro de 2009, por Mª do Rosário O. Sampaio, paciente de câncer, e que estava buscando esse apoio em diversos lugares. O Bendizer começou seu trabalho com pequenas reuniões, ações beneficentes, e atividades de bem estar aos pacientes.

De 2010 até os dias de hoje o Bendizer conta com uma sala alugada para reuniões semanais na Rua Luiz Gois, 1497 Vila Clementino – SP. Todas as reuniões são marcadas às sextas-feiras em dois períodos, para receber pacientes, amigos, cuidadores e familiares, embora poucas pessoas tenham comparecido.

Neste tempo resolvemos agir mais ativamente, e não somente ficar esperando as pessoas aparecerem. Desta forma, pensamos em trabalhar num local onde houvesse maior necessidade e que não tivesse amparo, isto é, ir diretamente à população carente.

Nas comunidades existe muita carência de apoio aos pacientes com câncer e com isso seria possível atingir um público maior.

Provavelmente, o modo de divulgação do grupo (blog, e-mail, site) tenha atingido o público de classe média, que geralmente procura apoio em associações privadas e não em ONGs como o Bendizer, deixando de atingir a população realmente necessitada.

Através do site da ONG, www.bendizer.org, muito voluntários se inscreveram para ajudar nos trabalhos, como fisioterapeutas, psicólogos, artesãos, dentistas, e mesmo pessoas comuns, apenas com a vontade de ajudar de alguma forma.

O primeiro contato realizado com comunidades foi feito na Água Espraiada, e começou com doações de agasalhos, cobertores, remédios, atendimento odontológico, festas de Natal, Páscoa e dia das crianças. Entretanto, este contato resultou ser muito superficial, provavelmente por não haver uma liderança na comunidade que pudesse fazer a ponte entre a comunidade e o Bendizer, o que permitiria uma ajuda mais eficiente, com palestras, grupos de discussão e outros objetivos que o Bendizer possui.


O segundo contato realizado foi com a Comunidade de Paraisópolis, através da Deni. Esta jovem lutadora e decidida, tem 35 anos, ex-paciente câncer de mama, nasceu nesta comunidade e faz parte do Comitê de Pacientes do Oncoguia. Casada, tem dois filhos, e hoje está desempregada. É uma pessoa muito corajosa e uma líder entre os moradores, que já a tem como referência quando o problema é câncer. Deni tem o sonho de fazer uma faculdade para ser Assistente Social e principalmente ajudar sua comunidade. A ajuda e a parceria desta moradora, possibilitaria um trabalho conjunto, permitindo que o Bendizer alcance, com eficácia, seus objetivos.

O Bendizer pretende montar uma sede na própria comunidade para se aproximar dos moradores, e assim, diagnosticar os principais problemas, selecionar os casos mais graves e priorizar os pacientes. Este novo sonho só poderá ser alcançado através de captação de recursos.

O Bendizer capta recursos com alguns parceiros já cadastrados no site e, que já colaboram com um valor mensal para a ONG. Também realiza eventos beneficentes, como bingos e bazares. Tentaremos apresentar um projeto aos órgãos públicos e listar as ONGs já existentes e atuantes na comunidade para fazermos parcerias e trabalharmos juntos por um único objetivo.

O objetivo principal do Bendizer é atender pacientes com câncer, seus familiares e cuidadores.

Primeiras ações:
- Atendimento gratuito aos citados acima com ajuda psicológica para o enfrentamento da doença e seu tratamento. Além de informações sobre seus direitos e apoio jurídico, juntamente com o Instituto Oncoguia;
- Oferecer informações sobre internação em hospitais públicos, farmácias populares, onde encontrar medicamentos e alimentação adequada durante o tratamento;
- Promover reuniões semanais com ajuda psicológica e com o suporte de voluntários profissionais. Prestar esclarecimentos sobre tratamentos integrativos aliados ao tratamento convencional;
- Realizar aulas de artesanato com profissionais voluntários, trabalho chamado de arterapia;
- Instalar uma agenda com registro das reuniões com o maior número de dados possível como: nome, idade, tipo do câncer e tratamento, quem indicou, preferências e objetivos;
- Transportar o paciente com câncer e seu cuidador até os hospitais, para: consultas, exames, quimioterapia, radioterapia, ida e retorno de cirurgias. Se possível incluir um lanche tanto para o paciente quanto para o seu cuidador;
- Promover campanhas para doação de sangue, medula e plaqueta;


Para realização destes projetos, necessitaremos dos seguintes recursos:            - Espaço de aproximadamente 30 m² com um banheiro e de preferência sem escadas para facilitar o acesso. Este espaço será divido em:
01 sala para reuniões c/ pacientes/cuidadores/familiares com capacidade para 10 pessoas.
Piso frio com cadeiras/poltronas que possam acomodar confortavelmente, um tapete, algumas almofadas para pacientes que em algum momento precisem repousar.
01 Escritório : mesa/cadeira/telefone/computador/impressora/armário
01 Sala para fazer artesanato - bancada/cadeiras
01 Mini cozinha com  microondas/cafeteira/mesa/pia/geladeira
 - Carro com motorista para transporte dos pacientes da comunidade


Os moradores de Paraisópolis precisam de ajuda em muitos aspectos, e nós do Bendizer, acreditamos que poderemos trazer inúmeras melhorias para os pacientes, seu familiares e cuidadores.

O Bendizer precisa de um espaço para poder colocar em pratica todos os seus projetos, de forma gratuita, com muita informação e, principalmente, com muita dedicação e carinho.

7 comentários:

  1. Rosário
    Lindo ver você se empenhar para ver seu próximo mais feliz. É esse amor que Jesus nos fala em seu evangelho. Desejo que o Bendizer encontre as parcerias de que precisa e cresça para ajudar muitas pessoas que não tem ninguém por elas. Seu gesto não tem preço! Vou colocar o link lá no face tá? Bjssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Sempre preocupada com os outros, Ro, apesar de todos os seus problemaa. Isso, todos nós temos que lhe agradecer. Há muito que não venho cá, mas não é por esquecimento. É que estou de férias, na praia e nem sempre tenho internet, ou melhor, tenho, mas é através da pen e claro, não posso abusar. Quero deixar-lhe um grande beijinho e também, se puder, gostaria que me dissesse por que a minha amiga Regina não encontrou o Bendizer no endereço dado, quando, a meu pedido foi lá para fazer a doação das meias; como lhe disse, num dos meus ultimos comentários, ela encontrou um cabeleireiro que estava fechado, pois era segunda feira. Bem, Ro, se não puder responder, não tem importância; só tenho pena que a minha doação não tenha chegado. Espero que este seu novo pedido seja acolhido por todos aqueles que tenham possibilidades de ajudar. Um grande beijinho, amiga, carregadinho de força e de gratidão por tudo o que faz pelos outros.
    Mila

    ResponderExcluir
  3. Vera do sullllllll15 de agosto de 2011 17:23

    Olá!
    Acredito no Bendizer e tenho a certeza que o espaço e tudo que precisas será encontrado e colocado a disposição. Este trabalho Bendito será recompensado com SAÚDE para VOCÊ e todos que colaborarem.
    Te abraço muito.

    ResponderExcluir
  4. Cris, que bom que poderá ajudar-me na divulgação. Por isso esse ano escolhemos o tema POLINIZAR. VC GOSTOU? QQ

    ResponderExcluir
  5. Mila, mil perdoes.... O BENDIZER fica na sobre loja deste salão de CABELOS/ESTÉTICA e, não funciona as segundas me desculpa.
    Podemos retirar com a Regina se ela preferir, ainda corre a campanha. Neste domingo foram entregues 20 pares de sapatinhos confeccionados por voluntárias :)
    Ferias tudo de bom..... aproveite amiga!!
    @@

    ResponderExcluir
  6. Vera, divlgue o maximo que puder. estamos providenciando o e-mail te mando assim que estiver pronto. Força minha vizinha !
    @@

    ResponderExcluir
  7. Obrigada, Ro, pela informação. A Regina disse que iria telefonar para o cabeleireiro e com certeza, já sabe, mas de qualquer modo, avisá-la-ei. Um amiga blogueira de S. Paulo também me falou que iria fazer uma doação e uma portuguesa disse que iria mandar pelo correio. Espero que tudo chegue. Um grande beijo e muita força, amiga!
    Mila

    ResponderExcluir